banner head

InícioNotíciasCâmara rejeita pedido de impeachment de Edinho Silva

Câmara rejeita pedido de impeachment de Edinho Silva

Com 13 votos contrários e apenas 4 votos favoráveis, pedido será arquivado

O pedido de impeachment do prefeito de Araraquara, Edinho Silva (PT), foi rejeitado pela maioria dos vereadores da Câmara Municipal de Araraquara nesta terça-feira (3). A votação ocorreu na primeira sessão ordinária depois que o pedido foi protocolado pelo Patriota e Podemos, partidos que fazem oposição a administração municipal.

Seguindo o regulamento, para prosperar, o pedido de impeachment teria que receber o apoio da maioria simples, o que corresponde a 10 votos dentre os 18 vereadores da Câmara de Araraquara. O pedido, no entanto, recebeu o voto favorável de apenas quatro parlamentares: Carlão do Joia, Flávio Marchese e Marcos Garrido, do Patriota, e Lineu WL, do Podemos. Outros 13 vereadores votaram contrariamente ao pedido, que será arquivado. 

A sessão foi marcada por manifestações de todos os parlamentares e acirrou o ânimo entre a base do governo e a oposição. Antes da sessão, um grupo de apoiadores do prefeito se reuniu em frente à Câmara, em manifestação contrária ao pedido de impeachment. A sessão, no entanto, foi realizada remotamente, conforme restrições adotadas desde o ano passado por causa da pandemia do coronavírus. 

O pedido

O documento que pedia o impeachment do prefeito Edinho Silva (PT) tinha como argumento a compra de respiradores para atender pacientes de covid em Araraquara. A Prefeitura pagou cerca de R$ 1 milhão adiantado, mas os equipamentos não foram entregues. Do dinheiro pago, cerca de R$ 500 mil foram devolvidos. Em decisão no mês passado, o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo condenou a empresa à devolução do valor, com juros e correção monetária.

A compra dos respiradores, além de todos os gastos feitos no combate à pandemia, são alvo de uma CEI (Comissão Especial de Inquérito) instalada na Câmara de Araraquara. Segundo o pedido de instalação, a apuração terá início assim que a imunização da população adulta do município for concluída.

Artigos relacionados
- Anúncio -
Radio Ao Vivo

Mais lidas