banner head

InícioNotíciasGeralLibertadores: Corinthians goleia em casa e São Paulo é derrotado na Argentina

Libertadores: Corinthians goleia em casa e São Paulo é derrotado na Argentina

Enquanto o Tricolor perdeu para o San Lorenzo pelo placar mínimo e viu a classificação à próxima fase ficar mais distante, o Timão manteve os 100% com a goleada por 4 a 0

São Paulo e Corinthians tiveram noites extremamente distintas nesta quarta-feira. Enquanto o Tricolor perdeu para o San Lorenzo por 1 a 0 na Argentina – o que tornou a missão de se classificar às oitavas mais difícil -, o Timão passeou na Arena Corinthians. Goleada por 4 a 0 sobre o Danúbio, com direito a três gols de Guerrero, invencibilidade mantida e classificação às oitavas da Libertadores praticamente selada.

Com direito a atraso para chegar ao Nuevo Gasometro, estádio do San Lorenzo, o São Paulo não conseguiu suportar a pressão dos hermanos. No primeiro tempo, não houve muitas chances claras de gol. Os argentinos ficaram mais com a bola e pressionaram, mas não foram eficientes nas finalizações das jogadas.

Na volta do intervalo, o Tricolor começou melhor e se lançou mais ao ataque, mas não demorou para o San Lorenzo reequilibrar a partida e voltar a controlar o jogo. Com maior volume de jogo dos argentinos, o São Paulo não resistiu à pressão. Aos 25 minutos, Cauteruccio, que havia entrado há cinco minutos, deu um chapéu desconcertante em Rafael Toloi, saiu na cara de Rogério Ceni e fez um golaço.

Com a derrota, o time de Muricy Ramalho parou nos seis pontos, mas ainda segue na segunda colocação, porém empatado com o San Lorenzo, com vantagem de dois gols a mais de saldo. Para não ter que torcer por tropeços do time argentino, o Tricolor precisa vencer os dois próximos jogos contra Danúbio, no Uruguai e, na última e decisiva rodada, contra o Corinthians, no Morumbi, para se classificar.

Em Itaquera, a situação é totalmente diferente do rival São Paulo. O Corinthians chegou à quarta vitória em quatro jogos e alcançou seu melhor início na história da Copa Libertadores. Jadson abriu o placar com um golaço de falta aos 26 minutos da etapa inicial. Em noite inspiradíssima, Guerrero anotou os outros três gols da goleada.

O primeiro de cabeça, aos 33 minutos do primeiro tempo, após belo passe de Elias. O segundo logo ao primeiro minuto da etapa final, em um golaço de voleio. E, pra selar a vitória acachapante, um gol de oportunismo aos 22 da etapa complementar.

Com os três gols anotados, o artilheiro peruano chega à marca de 12 gols na temporada e 54 no total com a camisa do Timão. Com isso, o centroavante tornou-se o maior artilheiro corintiano na era pós-rebaixamento, ultrapassando Dentinho, que tem 53 gols com a camisa alvinegra.

Com o triunfo, o Corinthians precisa somar apenas um ponto nos próximos dois jogos que faltam – contra San Lorenzo, em casa, e São Paulo, no Morumbi – para assegurar a vaga nas oitavas da competição. O time do técnico Tite é o líder disparado do grupo, com 12 pontos em quatro partidas, isto é, 100% de aproveitamento na competição Sul-americana.

 

Artigos relacionados
- Anúncio -
Radio Ao Vivo

Mais lidas