banner head

InícioNotíciasPolícia Civil investiga denúncia de estupro, lesão e ameaça

Polícia Civil investiga denúncia de estupro, lesão e ameaça

Segundo a vítima, caso se iniciou como um triângulo amoroso na cidade de Matão

A Polícia Civil investiga a denúncia de um suposto estupro seguido de lesão corporal e ameaça contra uma mulher na cidade de Matão-SP. O caso teria ocorrido na noite do último sábado (7), mas somente foi divulgado nesta quarta-feira (11).

Segundo informações, a vítima contou aos Policiais, que é solteira e que há três meses vem saindo com uma mulher casada.

Ela disse aos Policiais, que durante os encontros, sua "namorada" a chamava para participar de um trisal (a vítima, a mulher e o marido dela).

Narra a vítima, que após vários pedidos acabou cedendo o pedido para participar da relação sexual do casal, mas após o fato, passou a ser ameaçada pela namorada que estava com ciúmes do marido.

O ESTUPRO

A vítima disse que no último sábado recebeu uma ligação da mulher, e que durante a conversa, ela queria por um fim a briga das duas. A vítima pensando que elas iriam parar de brigar, resolveu ir até à residência da amante.

No local, ela disse que foi dopada pela mulher, na sequência foi amarrada e enquanto dormia (devido ao remédio colocado na bebida), teve os cabelos e sobrancelhas cortados com uma faca de cozinha e alega que foi violentada sexualmente pela autora.

Consta no B.O, que após o ato de tortura, o marido da mulher chegou e ordenou que a vítima entrasse em um carro e na sequência, ela foi abandonada próximo da sua casa.

Por medo de ser morta pelo casal, não procurou a Polícia antes. O caso foi registrado na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Matão e segue em investigação.

Artigos relacionados
- Anúncio -
Radio Ao Vivo

Mais lidas